Carros Telecomandados

Setembro 05 2010

O Speed Control é uma das partes mais fundamentais dos Carros Telecomandados, saiba mais um pouco sobre o Speed Control

 

Um rádio básico vem com:
- transmissor
- receptor
- 2 servos

Quando você aperta o "gatilho" do acelerador, o transmissor converte isso em um sinal e envia via rádio. O receptor recebe o sinal de todos os canais (no caso, um canal para a direção e outro para aceleração/frenagem/ré) e "envia" para cada controlador, que podem ser servos ou ESC´s.

Deixemos de lado o servo da direção: você vira o volante, o servo vira a direção, pronto!

Voltando ao acelerador: como pegar o sinal e movimentar o motor?

A idéia inicial remete ao autorama: o canal do acelerador também é controlado por um servo (igual à direção!), que aciona um CONTROLADOR DE VELOCIDADE, que nada mais é do que uma espécie de "potênciômetro" parecido com o controle de volume do seu rádio mais antigo.

Só que normalmente não tem todas as variações igual ao volume do seu rádio. É comum um controlador de velocidade mecânico ter 4 velocidades - algo como 3 velocidades para a frente, e a ré - o que o faz ficar mais parecido com seu liquidificador. É feito assim porque uma resistência igual à do autorama desperdiça muita energia - problema que o autorama não tem, já que não usa baterias!

Então alguém percebeu que o controlador mecânico desperdiça muita energia, porque ocorre um caminho tortuoso: o sinal chega no receptor eletronicamente, é convertido em energia mecânica pelo servo, que aciona o controlador de velocidade, para liberar a energia elétrica pro motor, que vai pegar essa energia e transformar em rotação - energia mecânica! UFA!

Inventaram então o ESC - Electronic Speed Control

Na teoria, tudo o que ele faz é pegar o sinal PWM do receptor e converte isso na quantidade de energia que é liberada para o motor, usando um transistor do tipo MOSFET.

Então não há a mudança eletrônica - mecânica - eletrônica descrita acima - Muito mais inteligente, então todos os componentes saem ganhando.

Claro, tem um preço... um Speed Control mecânico normalmente vem junto com seu kit, já um ESC custa a partir de uns R$ 150....

Os ESC´s (não se esqueça que ESC é só o eletrônico!) são categorizados pelos motores que eles suportam, por exemplo:
1 - 20T ou superior
2 - 10T ou superior
3 - Sem limite de voltas

Lembrando que quanto menor o número de voltas do motor, mais "forte" ele é, logo precisa de um ESC mais animal. (e mais caro)

Os ESCs ainda podem te ajudar com:

- BEC - Battery Eliminator Circuit - permite que você alimente o receptor através do próprio ESC, eliminando uma bateria à parte pra ele (nota: alguns receptores têm BEC, então isso tanto faz)
- Freio - sim, alguns ESCs possuem freio - não é milagre, simplesmente eles usam a energia que o motor gera quando o carro está no "embalo" para freiar ele mesmo, uma solução muito inteligente.

E outras coisinhas mais, alguns ESC´s permitem até programar seu comportamento! Mas este é o básico:

- Sem ESC, você precisa de um controlador mecânico e um servo
- Com ESC, elimina-se um servo e seu carro agradece

Electronic Speed Control (ESC) - Electronic speed controls replace the mechanical speed control and servo providing enhanced power efficiency and precision in an electric R/C car or boat. In addition, they are lighter which improves the performance of some electric models.

fonte:rceletrico

publicado por adm às 20:10

pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links